PARTICIPAR DESSE SITE

sábado, 13 de junho de 2015

QUEM SOU? ... Muitos "eus" variam em mim!


Às vezes não sei quem sou
Dúvidas me corroem assim
Como vento na floresta
Muitos "eus" variam em mim!

Segredos confusos
Misturam-se imagens
Como o vento em arvoredos
Só há sons de folhagens!

Às vezes não sou ninguém
Nada me interessa também
Pensamentos se dispersam
E eu vago no além!

Às vezes sou um alguém
Alguém que sabe o que quer
Sou adulta, sou criança
Outrora, simplesmente mulher!


Profª Fatuca - 2014.

2 comentários:

  1. Belo poema!!
    Dúvidas que existem em todos nós, gostei de ler

    Bom fim de semana
    Beijo

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. É muito bom quando somos compostas por camadas e nuances que sempre nos complementam nas mais diversas fases de nossa vida!
    Abraço.

    ResponderExcluir