PARTICIPAR DESSE SITE

domingo, 23 de abril de 2017

INQUIETUDE... Vive em mim!


Há coisas que
me inquietam...
E não consigo calar!

Não sei fingir
ficar quietinha...
Muito menos representar!

Sei que o silêncio
é sábio...
E por ele às vezes
devo também optar!

Mas o que fazer com essa
"inquietude"...
Que em mim vive a gritar?




Profª fatuca - 2016

Um comentário:

  1. Poetinha Fá; solte a voz, grite... desamarre os nós e libere o universo em você, isto é: “INQUIETE-SE” sempre para não se deixar em silêncio nunca pelo mudo e imundo mundo dos que calam sem consentimento. Enfim; seu barulho é prazenteiro, ou seja: escrevinhada ou na oralidade, sua palavra é boa para as ouças e faz bem à alma.

    Abraços, beijos fraternais e saudações Sanromanas!!!

    ResponderExcluir